x
Este site utiliza cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Saiba mais

O Designer das emoções por manuel arnaut

 

ASSISTIR A UM DESFILE DE NUNO BALTAZAR É ENTRAR NUM UNIVERSO DE PAIXÕES ASSOLAPADAS, DRAMA, HISTÓRIAS DE FINAL FELIZ E OUTRAS NEM POR ISSO. MAS É, SOBRETUDO, SER ARREBATADO POR UMA ASSINATURA DE SOFISTICAÇÃO INCONFUNDÍVEL QUE, HÁ MAIS DE TREZE ANOS, É A CERTEZA DE GUARDA-ROUPA DE ALGUMAS DAS MULHERES MAIS ELEGANTES DE PORTUGAL.

 

NASCIDO EM LISBOA, EM JANEIRO DE 1976, FOI UMA DESCOBERTA INOCENTE QUE RASTILHOU O INTERESSE DE NUNO BALTAZAR PELO DESENHO. QUEM PODERIA RESISTIR ÀS IMAGENS DE ELEGÂNCIA DE UMA COMPILAÇÃO DE REVISTAS DOS ANOS CINQUENTA, DESCOBERTAS NUM BAÚ PERDIDO EM CADA DOS AVÓS? FOI, POR ISSO, TOMADA COM NATURALIDADE A OPÇÃO DE, EM 1994, INICIAR OS ESTUDOS NA CONCEITUADA ESCOLA DE MODA CITEX, NA CIDADE DO PORTO, ONDE O DESIGNER RESIDE DESDE A SUA INFÂNCIA. E A APOSTA NÃO PODIA TER SIDO MAIS CERTEIRA, COMO ATESTAM AS TENRAS CONQUISTAS DE INÚMEROS PRÉMIOS DE JOVENS CRIADORES, ONDE SE DESTACAM O SANGUE NOVO 1996, O PORTO MODA 1996 E A VITÓRIA CONSECUTIVA, EM 1996 E 1997, DO CONCURSO DE JOVENS CRIADORES DA REVISTA MÁXIMA.

 

EM 1999, COM UM PERCURSO CURTO, MAS COM UMA BAGAGEM RECHEADA DE SUCESSO, NUNO BALTAZAR INICIA A APRESENTAÇÃO REGULAR DAS SUAS COLECÇÕES. PRIMEIRO, COM A ETIQUETA CRAVO.BALTAZAR, EM DUPLA COM PAULO CRAVO, COM QUEM AINDA MANTÉM UMA RELAÇÃO DE AMIZADE. MAIS TARDE, COMO NUNO BALTAZAR, TENDO PASSADO PELO PORTUGAL FASHION E PELA PARIS FASHION WEEK, ANTES DE SE ESTABELECER COMO UMA DAS FIGURAS MAIS MARCANTES DO CALENDÁRIO DA MODALISBOA.

 

APESAR DE, NA PASSERELLE, SE INSPIRAR EM MIL E UMA VIAGENS, REFERÊNCIAS CINEMATOGRÁFICAS, ÓPERAS E FIGURAS ICÓNICAS, COMO AMÁLIA RODRIGUES, A MARQUESA DE JÁCOME CORREIA E AS PERSONAGENS DE VIRGINIA WOOLF, AS COLECÇÕES DE NUNO BALTAZAR NÃO PERDEM CONTEMPORANEIDADE, RESPONDENDO AOS SONHOS DE MULHERES DE CARNE E OSSO. HÁ TODO UM CUIDADO COUTURE NA CONFECÇÃO, MAS TAMBÉM UM BOM SENSO NA CONSTRUÇÃO SINTONIZADO COM AS NECESSIDADES DE CLIENTES DE VÁRIAS GERAÇÕES, QUE TANTO PROCURAM A LINHA PRÊT-À-PORTER DA MARCA, ASSIM COMO AS CRIAÇÕES À MEDIDA DESENVOLVIDAS NA VERTENTE ATELIER.

 

PARA ALÉM DE MODA DE VERDADE, FALAR DE NUNO BALTAZAR É TAMBÉM DESCREVER UMA LINGUAGEM DE FEMINILIDADE QUE, EM VÁRIAS SITUAÇÕES - ENTRE PEÇAS DE TEATRO, FILMES, CONCERTOS E APARIÇÕES NA PASSADEIRA VERMELHA- VESTE ALGUMAS DAS CELEBRIDADES MAIS ELEGANTES DO PAÍS. ENTRE ELAS ESTIVERAM NOMES COMO CARMINHO, MAFALDA ARNAUTH, GUIDA MARIA E ANA RITA CLARA. AO ROLE DE NOMES JUNTOU-SE RECENTEMENTE JOANA CARNEIRO, PARA QUEM O CRIADOR CONSTRÓI PEÇAS EXCLUSIVAS, À MEDIDA DAS NECESSIDADES DA BATUTA DA MAESTRIA.

NO ENTANTO, SERIA IMPOSSÍVEL FECHAR A LISTA DE SEGUIDORAS DE NUNO BALTAZAR SEM REFERIR CATARINA FURTADO, O ASTRO MAIS BRILHANTE DA TELEVISÃO PORTUGUESA E EMBAIXADORA DA ONU. DESDE 2001, O CRIADOR É RESPONSÁVEL PELA IMAGEM TELEVISIVA DA APRESENTADORA, QUE SE TORNOU NUMA AMIGA E PRINCIPAL ROSTO DA MARCA. “TENHO DE TER ALGO EM COMUM COM QUEM TRABALHO. NÃO CONSIGO SÓ ‘VESTIR’ QUALQUER COISA. A PERSONALIDADE E O GOSTO PELO POÉTICO E PELO TEATRAL FEZ COM QUE HOUVESSE UMA SINTONIA LOGO NA PRIMEIRA VEZ QUE FUI AO PORTO VISITAR O NUNO”, CONFESSOU CATARINA FURTADO, NA EDIÇÃO NÚMERO 100 DA REVISTA VOGUE PORTUGAL.

 

DESDE 2004, O NÚMERO 856 DA ELEGANTE AVENIDA DA BOAVISTA, NO PORTO, É O QUARTEL-GENERAL DA MARCA NUNO BALTAZAR. NUM ESPAÇO DE TRÊS ANDARES, QUE RELEMBRA O AMBIENTE ANTI-MASSIFICADO DOS ESTÚDIOS DOS GRANDES COUTURIERS,PODEM SER DESCOBERTAS AS COLECÇÕES DE PRONTO-A-VESTIR, MARROQUINARIA E ACESSÓRIOS ASSINADAS PELO DESIGNER, ASSIM COMO LIVROS, VELAS E OUTROS ITENS DE LIFESTYLE ESCOLHIDOS A DEDO PELO CRIADOR. POR LÁ TAMBÉM SE DESENVOLVEM OUTRAS PARCERIAS, COMO A ACLAMADA LINHA DE MOBILIÁRIO E ILUMINAÇÃO BALTAZAR .MAP-MAISON-À-PORTER, DESENHADA EM COLABORAÇÃO COM O ARQUITECTO E SÓCIO DA EMPRESA VÍTOR ALMEIDA LANÇA, JÁ APRESENTADA NAS FEIRAS DE MOBILIÁRIO DE LONDRES, MILÃO E PARIS; ASSIM COMO OUTROS PROJECTOS COM “GIGANTES” COMO A NESPRESSO E A SEAT, A MARCA AUTOMÓVEL COM QUEM O CRIADOR TEM TRABALHADO EM SINERGIA DESDE 2008.

 

NÃO É DE ESTRANHAR AS INÚMERAS HONRAS, COMO AS NOMEAÇÕES NA CATEGORIA DE “MELHOR CRIADOR” NOS GLOBOS DE OURO 2007 E NOS FASHION TV AWARDS 2010 QUE, AQUI E ALI, CONFIRMAM O TALENTO DE UM NOME JOVEM, MAS ESTABELECIDO DA MODA PORTUGUESA. NO ENTANTO, A DERRADEIRA HOMENAGEM NÃO CHEGA EM FORMA DE TROFÉU, MAS SIM QUANDO, À PERGUNTA “O QUE É QUE VESTE?”, A RESPOSTA ECOA NA BOCA DE INCONTÁVEIS MULHERES EM JEITO DE EXCLAMAÇÃO: “NUNO BALTAZAR”.

 

Por Manuel Arnaut